Envio de indicadores de Transação

Introdução

Os indicadores de transação servem para trazer dados adicionais sobre uma compra para o banco emissor, essas informações são muito importantes para que seu estabelecimento esteja em conformidade com regras da Mastercard que serão aplicadas esse ano (até 01/12/2023). Caso um estabelecimento não esteja em conformidade, estará sujeito a multa pela bandeira. Portanto, é muito importante que você adeque seus sistemas para o envio desses dados corretamente antes desse período.

Indicadores

Os indicadores são bem relacionados a transações recorrentes e transações com credenciais armazenadas, e são divididas em 2 tipos:

  • CIT (Cardholder Initiated Transaction ou Transação iniciada pelo portador);
  • MIT (Merchant Initiated Transaction ou Transação iniciada pelo estabelecimento).

A principal diferença entre as duas é que:

  • Na CIT, a transação ocorre com a presença do comprador durante a transação, já a MIT ocorre sem a presença do portador.
  • Toda transação MIT é uma transação Credential on File, ou seja, são realizadas com credenciais armazenadas de interações anteriores. Já uma transação CIT pode ser realizada com base em credenciais fornecidas pelo portador no momento da transação.
  • Transações CIT devem sempre conter o CVV, e transações MIT não precisam.

As tags já existentes devem ser sempre enviadas para transações recorrentes, ou seja, os valores que indicam a primeira recorrência e as recorrências seguintes (FREC e RREC na tag ) devem continuar sendo enviadas.

CIT

Para transações CIT, teremos os seguintes valores a serem adicionados na tag <TxTp> de acordo com suas situações:

ValorMotivoExemplo
CRDP (Card Payment)Credential-on-file: O consumidor concorda que seu cartão seja armazenado com o comerciante para futuras transações que possam ocorrer de tempos em tempos.Transações em aplicativos de carro sob demanda.
STOD (Standing Order)Ordem Permantente: O consumidor concorda que seu cartão seja armazenado e inicia a primeira transação de uma série com um valor variável e frequência fixa.Pagamento mensal de serviço de tag de pedágio.
SBCT (Subscription)Assinaturas: O consumidor concorda que seu cartão seja armazenado e inicia a primeira transação de uma série com valor fixo e frequência fixa.Assinatura mensal de um serviço de streaming
REIN (Recurring Installment)Parcelado: O consumidor concorda que seu cartão seja armazenado para estabelecer um plano de parcelamento.Pagamento de uma grande compra de forma recorrente.

MIT

Para transações MIT, teremos os mesmos valores de CIT na tag <TxTp> em transações recorrentes, a mudança maior fica na parte de transações de cartões armazenados e em resubmissões, nesses casos teremos os seguintes valores abaixo de acordo com cada situação:

Transações Recorrentes

ValorMotivoExemplo
CRDP (Card Payment)Credential-on-file: O consumidor concorda que seu cartão seja armazenado com o comerciante para futuras transações que possam ocorrer de tempos em tempos.Auto recarga de pedágio.
STOD (Standing Order)Ordem Permantente: O consumidor concorda que seu cartão seja armazenado e inicia a primeira transação de uma série com um valor variável e frequência fixa.Pagamentos mensais de serviços.
SBCT (Subscription)Assinaturas: O consumidor concorda que seu cartão seja armazenado e inicia a primeira transação de uma série com valor fixo e frequência fixa.Assinatura mensal de um serviço de streaming
REIN (Recurring Installment)Parcelado: O consumidor concorda que seu cartão seja armazenado para estabelecer um plano de parcelamento.Comprar uma televisão parcelada em quatro vezes

Transações com Cartões Armazenados

ValorMotivoExemplo
PASH (Partial Shipping)Remessa parcial: quando a quantidade de mercadorias encomendada por e-commerce não está disponível para envio no momento da compra, portanto, cada remessa enviada é uma transação separada.
DESL (Delayed Sale)Cobrança atrasada: cobrança adicional na conta após o processamento do pagamento.Cobrança de frigobar de hotel após o check-out.
NOAC (No Attendance Charge)No Show: multa cobrada de acordo com a política de cancelamento do comerciante, de conhecimento do portador.Cancelamento de reserva pelo titular do cartão sem aviso prévio ao comerciante.
REIN (Recurring Installment)Parcelado: O consumidor concorda que seu cartão seja armazenado para estabelecer um plano de parcelamento.Retorno como falta de saldo.

Resubmissões

No caso de resubmissões, será enviado o valor TRUE na tag <IsRsbmsn> que serve exclusivamente para definir se a transação é uma resubmissão.

ValorMotivoExemplo
TRUEReenvio: Tentativa de obter autorização que foi recusada e a resposta do emissor não proíbe que o comerciante tente mais tarde.Retorno como falta de saldo.